Convenhamos que nossa moeda vem se desvalorizando ao longo do tempo e é fácil perceber isso. O preço da gasolina e dos alimentos está em alta, e para agravar a situação, a taxa de desemprego está em um nível bem acima do aceitável. A única coisa que parece estar indo para baixo é o seu orçamento mensal, porém não há motivo para ter medo, porque existe maneiras de aumentar seu dinheiro. Mas você precisa ter uma visão geral de suas finanças domésticas primeiro. Então, pegue seus extratos bancários, recibos de cartão de crédito e boletos, e vamos preparar um orçamento para sua casa.

Tenha uma visão geral de seu orçamento pessoal

Comece escrevendo sua renda mensal. Este é o número que dita o que você pode gastar para evitar acumular os cartões de crédito ou economizar em suas finanças. Em seguida, você precisará registrar suas despesas fixas. Estes são os itens que você paga todos os meses que geralmente não oscilam de maneira, como seu aluguel, seu empréstimos e sua conta de tv a cabo. Em seguida, vêm as despesas variáveis, coisas como gás, mantimentos e refeições fora. Estes são um pouco mais difíceis de identificar exatamente porque eles costumam variar por mês.

Planejamento FinanceiroTome como base os registros de despesas dos últimos três meses, faça uma média desse valor. Isso lhe dará uma boa estimativa do que você está gastando em média a cada mês. Se você não tiver esses registros, basta consultar a contagem e estimativa do mês anterior ou começar a registrar do mês presente em diante. Lembre-se, sem trapaça. Cabe a você ser honesto com seus números.Você deve se preparar para o futuro e estimar uma reserva para gastos imprevisíveis como uma batida no carro gastos médicos. Gastar tempo pensando sobre todas e quaisquer despesas que surgem em sua vida. Contas do veterinário, cuidado do gramado, suprimentos domésticos – todos eles saem de sua linha de fundo, e você precisa estar preparado.

Faça as contas e execute seu planejamento financeiro

Agora vem o momento do julgamento. Adicione suas despesas fixas e variáveis ​​juntas e subtraia-as de sua renda. Se você tem um número positivo é sinal que suas finanças estão ajustadas corretamente de acordo com suas possibilidades. Mas se você está no vermelho é hora de começar a repensar suas atitude, pois muito provavelmente suas despesas estão além de sua capacidade financeira. Alguns custos são simplesmente dispensáveis e podem ser ajustados sem que você abra mão de sua qualidade de vida.

Comendo demais fora de casa? Faça o seu almoço, reúna os amigos em casa e divida os custos, é bem mais barato e divertido. Gastando muito com com gasolina? Considere revezamento de carona com seus colegas de trabalho ou, melhor ainda, aproveite as opções de transporte público de sua cidade. Seu orçamento de roupas está fora de controle? Aprenda escolher pela roupa e não pela marca, aproveite os descontos, reutilize roupas antigas. Ninguém disse que seria fácil reduzir os custos, mas você pode pelo menos tentar tornar divertido descobrir formas inteligentes de superar seu orçamento. Agora se você já reduziu todos custos que podia e ainda assim não consegue fazer com que suas receitas sejam maior que sua despesas, considere encontrar uma fonte adicional de renda para sustentar seus hábitos. Faça uma venda de garagem, venda algumas coisas na OLX, use de suas habilidades para fazer dinheiro, aulas particulares, trabalhos manuais, artesanato, todo mundo tem um talento que pode ser explorado. Em breve, você poderá até ter alguns reais em sua conta poupança e quem sabe até fazer aquela viagem dos sonhos.

Faça uma simulação com um dos nossos representantes, sem compromisso, e 100% confiável. Um de nossos especialistas estarão dispostos a simular a melhor opção para você. A VMACRED oferece uma variedade soluções financeiras. Não deixe de ver a nossa última postagem sobre 6 razões para obter um empréstimo pessoal.